• Blog do Prestador
 
busque no blog
626 notícias
Veja dicas para amenizar efeitos da baixa umidade do ar
Se inscreva no Affego-Saúde: saiba como!
Entenda como se prevenir contra o câncer de intestino
Dores constantes no calcanhar podem ser indícios de fascite plantar, confira!
ATENÇÃO PRESTADORES: Feriado de Corpus Christi
Coloproctologista do Affego-Saúde fala sobre câncer de intestino
Coloproctologista do Affego-Saúde fala sobre câncer de intestino



 
 
 
 
Central de atendimento

Autorizações: 3096-7627
Credenciamento: 3096-7635
Faturamento: 3096-7630
Enviado em 08/05/19 às 10h43min
 
 
Coro terapêutico Celuta Pacheco Mioto se apresenta no Hospital de Urgências de Goiânia

*Faça seu comentário:
 
*Nome:
 
*Email:
 
Telefone:
 
Atenção! Seu comentário será enviado para a assessoria de imprensa da Affego antes da liberação.

 
Talita Moaby
 
Aconteceu na manhã de ontem (7), mais uma calorosa apresentação musical do Coro Terapêutico da Affego Celuta Pacheco Mioto, no Hospital de Urgências de Goiânia (HUGO).

A psicóloga Thatyana Otto, coordenadora do departamento do Setor de Promoção da Saúde e Prevenção a Riscos e Doenças, que endossa o projeto da musicoterapia na associação, acompanhou toda a apresentação do coro.

A convite da também psicóloga Eliane Nascimento, da Divisão de Desenvolvimento de Recursos Humanos (DDRH), e de Keila da Rocha, Analista de Desenvolvimento e Treinamento (ADT) do Hugo, os coristas passaram pelas alas do hospital cantarolando canções conhecidas como: “Carinhoso” de Marisa Monte e Paulinho da Viola, “Minha Vida é Andar Por Esse País”, de Gonzagão e Gonzaguinha e “Mãe Heroína” composta por José Bernardino de Castro, um dos integrantes do coral.

Eliane nos conta que o hospital possui um projeto chamado “Cantaalegria”, no qual diversas ações são ministradas por grupos, coros, duplas, instrumentistas e em solo, que se apresentam diariamente pelas alas de cada andar do prédio levando música e alegria aos pacientes internados: “A música traz um balsamo, acolhe e leva alegria na tentativa de amenizar o sofrimento alheio”, conta.

O violonista Pedro Falcão, que também é professor do coro terapêutico juntamente com a musicoterapeuta Diana Santana, ressalta a importância da musicoterapia como fonte de saúde e bem-estar tanto para quem pratica quanto para quem escuta: “As apresentações da musicoterapia são como uma ajuda mútua, o pessoal se sente realizado em fazer o bem para os outros. Quem faz recebe, quem escuta recebe também, se alegra, e gera motivação, funciona como uma via de mão dupla”, finalizou ele.

 
Fonte/Autoria: Talita Moaby - ASCOM Affego

 
 
AFFEGO - Associação dos Funcionários do Fisco do Estado de Goiás
Rua Henrique Silva, Nº 312, Setor Sul, CEP 74.083-020 - Goiânia (GO) - Fone: 3218-5051